Coringão Chopp

PERTO DE RENOVAR COM O CORINTHIANS, CÁSSIO COMENTA POSSIBILIDADE DE ULTRAPASSAR ÍDOLO EM TÍTULOS

Tudo indica que Cássio, considerado um dos destaques da atual temporada do Corinthians, está próximo de renovar o seu contratado com o Timão. Com vínculo vigente até dezembro de 2019, o goleiro alvinegro deve estender o prazo para o fim de 2021. Caso a renovação se confirme, o arqueiro terá mais quatro temporadas para tentar se tornar o jogador com mais título pelo Timão – feito que hoje pertence ao ex-jogador Marcelinho Carioca.

Desde que chegou no Parque no São Jorge, pouco conhecido e vindo do PSV Eindhoven, da Holanda, Cássio conquistou sete títulos pelo Timão – o que dá uma média de, ao menos, uma taça por ano. Por tanto, o camisa 12 ainda precisa de mais três títulos para igualar e quatro para deixar o Pé de Anjo, detentor de dez troféus, para trás.

“Eu não penso nisso, tem de viver o ano, trabalhar no momento, viver o melhor no momento, foi assim que trabalhei, e tem de ser assim, foi assim que conquistei tudo. Com trabalho, dedicação e as coisas acontecerem. Mas o Corinthians é muito grande. É muito grande falar em mais vencedor, o maior, o melhor”, desviou o camisa 12 em entrevista concedida ao Lance! após assegurar o hepta.



“Passou muita gente boa, muita gente teve êxito, teve nome, e está na história fazendo o melhor. Mas o que a gente puder ganhar de título, vai em busca. Se puder ganhar três, quatro, vamos embora”, completou.

A respeito de sua renovação contratual, o recém-campeão brasileiro afirmou que uma reunião, prevista para acontecer nos próximos dias, selará os detalhes ainda pendentes:”São mais quatro anos. Tudo muito bem encaminhado, são poucos detalhes, tudo bem alinhado. Nas próximas semanas devemos assinar o novo vínculo, até o fim de 2021″, finalizou.

Confira os jogadores que detém mais títulos pelo Corinthians

Marcelinho Carioca (1994 a 2001/2006/2010) – 10 títulos
Júlio César (2005 e 2014) – 9 títulos
Armando Del Debbio (1922 a 1931/1937 e 1939) – 8 títulos
Kléber (1998 e 2003) – 8 títulos
Danilo (desde 2010) – 7 títulos
Cássio (desde 2012) – 7 títulos

facebook
twitter
Whatsapp



//Comentários